menu
Sete Lagoas - MG | Whatsapp: 31 996167463
Mega Cidade
Sete Lagoas - MG
ALTOS SALÁRIOS
POLÍTICA
POLÍTICA
ALTOS SALÁRIOS
Postada em 19/01/2018 ás 20h14 - atualizada em 19/01/2018 ás 20h14
Salário de parlamentares é 35 vezes o salário mínimo, fora benefícios
Juntos, todos os 513 custam, em média, R$ 86 milhões ao contribuinte todos os meses, chegando a quantia de R$ 1 bilhão por ano.
Salário de parlamentares é 35 vezes o salário mínimo, fora benefícios

Os parlamentares da Câmara no Brasil, ao contrário dos trabalhadores brasileiros que ganham um salário mínimo, não têm como reclamar de seu holerite. Com um salário de R$ 33.763 (35 vezes o salário mínimo atual), auxílio-moradia de R$ 4.253 ou apartamento de graça para morar, verba de R$ 92 mil para contratar até 25 funcionários, e verba de R$ 30.416,80 a R$ 45.240,67 por mês para gastar com alimentação, aluguel de veículo e escritório, divulgação do mandato e outras despesas. Além de tudo isso, eles recebem dois salários no primeiro e no último mês da legislatura como ajuda de custo e ressarcimento de gastos com médicos. Apenas um deputado federal brasileiro, juntando salário e benefícios, custa aos cofres públicos R$ 168,6 mil por mês. Juntos, todos os 513 custam, em média, R$ 86 milhões ao contribuinte todos os  meses, chegando a quantia deR$ 1 bilhão por ano.



O salário mínimo em 2018 teve um aumento de 1,81%, indo de R$ 937 reais para R$ 954. Apenas R$ 17 a mais do valor anterior. O reajuste do salário mínimo em 2018 é o menor dos últimos 24 anos. Também não foi o valor estimado pelo governo e que já havia sido aprovado pelo Congresso Nacional, de R$ 965.



Com a diminuição no aumento do salário mínimo, o governo prevê economizar R$ 3,3 bilhões em 2018.



Mas em 2016, em meio à crise econômica e à baixa arrecadação no país, menos de dois meses após o Congresso aprovar a redução da meta fiscal e autorizar rombo nas contas públicas de R$ 170 bilhões, o governo concedeu reajuste de até 41,47% nos salários dos servidores do Judiciário e aumento salarial de 12% para analistas e técnicos do Ministério Público da União.



A estimativa do Ministério do Planejamento era de um impacto de R$ 1,69 bilhão só em 2016 nas contas públicas.


FONTE: observatorio3setor.org.br
leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Você é a favor o fim do horário de verão?

Sim
2603 votos - 72.5%

Não
986 votos - 27.5%

facebook
publicidade
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados