menu
Sete Lagoas - MG | Whatsapp: 31 996167463
Mega Cidade
Sete Lagoas - MG
SETE LAGOAS
CIDADES
CIDADES
SETE LAGOAS
Postada em 05/02/2018 ás 15h47 - atualizada em 05/02/2018 ás 15h53
Prefeito e ministro assinaram autorização para obra da ETE
Prefeito e ministro assinaram autorização para obra da ETE

Foto: Ascom Prefeitura

Sete Lagoas viveu um momento histórico no último sábado, 3. O ministro das Cidades Alexandre Baldy esteve na cidade acompanhado de destacada comitiva política para, junto com o prefeito Leone Maciel, assinar a Autorização de Início das Obras (AIO)para a construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do município. Esta sonhada obra vai permitir que todo esgoto recolhido pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) seja tratado antes de ser despejado em mananciais de água e, consequemente, no Rio das Velhas. “Esta data vai ficar marcada na história de Sete Lagoas. Este ato significa o comprimento de uma política pública que nossa cidade e região suplicavam há muitos anos. A presença do ministro mostra que Sete Lagoas é forte e, com muito trabalho, vamos ter dias melhores”, comentou Leone Maciel.



O ministro foi recebido pelo prefeito na sede da Prefeitura. Na pauta assuntos de interesse do município que já tem vários convênios assinados com o Ministério da Cidades. “Muitos projetos não caminharam por conta do atraso dos repasses. Esperamos o apoio do ministro Alexandre Baldy também no atendimento dessas demandas”, comentou Leone Maciel que, ao lado do secretário de Obras, Vitor Dias Campos apresentou um mapa com todos os pontos da cidade que contam com convênios em andamento com o governo.



Durante concorrida solenidade na Associação Comercial e Industrial de Sete Lagoas Alexandre Baldy destacou que a principal proposta de sua pasta é a “universalização do esgotamento sanitário”. “É um desafio gigantesco que o Brasil tem que vencer. Cada real investido em saneamento representa de R$ 4 a R$ 5 de benefício para a saúde pública”, comentou Alexandre Baldy.



O projeto da ETE está ancorado por R$ 70.972.000,00 do PAC Saneamento Básico (Contrato n° 0424.406-56). Verba oriunda de fundo perdido do Orçamento Geral da União (OGU). Ainda no primeiro ano de sua administração, Leone Maciel comemorou a liberação dos licenciamentos ambientais primordiais para este tipo construção e, consequente, operação do sistema.



Alexandre Baldy veio acompanhado do secretário-executivo do Ministério da Cidades, Silvani Pereira, e dos deputados federais Leonardo Quintão, Rodrigo Pacheco e Mauro Lopes. Também participaram do encontro realizado na ACI o vice-prefeito Duílio de Castro, o deputado estadual Douglas Melo, o secretário estadual das Cidades e Integração Regional, Carlos Murta, prefeitos da região e vereadores.



ESGOTO



Sete Lagoas coleta cerca de 97,50% de seu esgoto sanitário, mas somente 10% deste total são tratados por meio de mini-estações sob responsabilidade do SAAE. Os outros 90% são despejados “in natura” nas bacias dos Córrego dos Tropeiros e do Ribeirão Matadouro.  



DADOS TÉCNICOS



A ETE será construída na comunidade de Areias, após o bairro Tamanduá. Atualmente, Sete Lagoas tem 95% de cobertura de rede coletora de esgoto e 99% de rede de distribuição de água. O empreendimento será construído em uma área de 111.793 m² e terá uma única unidade para atender as duas bacias hidrográficas da sede do município. O sistema de tratamento contará também com a construção de seis novos interceptores, perfazendo 13.171 Km, três linhas de recalque, totalizando 8.373 Km, três estações elevatórias e um emissário. O empreendimento foi projetado para atender uma população de 227 mil habitantes, com o horizonte final para o ano de 2033, quando é estimada uma população de 298 mil habitantes em Sete Lagoas. O sistema de tratamento será constituído de tratamento preliminar, reatores UASB, filtros biológicos, decantadores e desidratação de lodo. A ETE é uma importante obra para a melhoria das condições sanitárias e ambientais do município e consequente melhoria da qualidade de vida da população.




FONTE: Ascom prefeitura
leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Você é a favor o fim do horário de verão?

Sim
2545 votos - 72.3%

Não
974 votos - 27.7%

facebook
publicidade
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados