menu
Sete Lagoas - MG | Whatsapp: 31 996167463
Mega Cidade
Sete Lagoas - MG
CASAS POPULARES
CIDADES
CIDADES
CASAS POPULARES
Postada em 05/02/2018 ás 17h51 - atualizada em 05/02/2018 ás 18h05
Prefeito Leone Maciel anuncia a construção de 500 casas populares
Todo o processo está adiantado e as obras devem começar em breve no Bairro Cidade de Deus.
Prefeito Leone Maciel anuncia a construção de 500 casas populares

Imagem do Google

A administração do prefeito Leone Maciel conquistou uma vitória que, certamente, vai marcar a história de Sete Lagoas. Após um apurado trabalho técnico junto a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e uma articulação política estratégica com o Governo Federal, o município foi contemplado com 500 moradias do programa Minha Casa Minha Vida. Todo o processo está adiantado e as obras devem começar em breve, no bairro Cidade de Deus. “Não existe uma satisfação maior da que sinto neste momento. Será uma oportunidade de realizar o sonho da casa própria de centenas de famílias. Isso é promover a dignidade do sete-lagoano”, comentou Leone Maciel.



Esta conquista exigiu um trabalho árduo. A Cidade de Deus foi projetada, em 1998, pelo então prefeito Marcelo Cecé, para ser transformado em um amplo conjunto habitacional. Porém, o projeto ficou na primeira etapa já que 264,34 hectares de sua área não eram licenciados do ponto de vista ambiental. Vinte anos depois, Leone Maciel conseguiu junto ao Estado a sonhada liberação e, com isso, o risco de perder o projeto habitacional não existe mais. “Esta é uma conquista sem precedentes. Conseguimos o autorização ambiental de todo o terreno do bairro que terá 10% da sua área destinado para a construção das moradias. Sem dúvida vamos dar um grande passo para acabar com o déficit habitacional em Sete Lagoas”, comemora o prefeito.



O secretário municipal de Meio Ambiente, Nadab Estanislau Abelin, confirma que, nos últimos meses, a carga de trabalho em prol do projeto foi intensa. O resultado positivo foi confirmado na quarta-feira, 31 de janeiro, após um cronograma de reuniões. Participaram das conversas o Secretário de Estado de Meio Ambiente, Germano Luiz Gomes Vieira, o subsecretário de Regularização Ambiental, Antônio Augusto Melo Malard, o superintendente da Superintendência Regional de Regularização Ambiental (Supram), Hildebrando Neto, a coordenadora estadual de Licenciamento Giselle Cruz, o Prefeito Leone Maciel, o Secretário Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade Nadab Estanislau Abelin e o superintendente de Meio Ambiente Robson Dias. “Um embargo travava todo e qualquer projeto por duas décadas. A pedido do prefeito Leone iniciamos conversas junto a Semad e Supram para liberação de todo o empreendimento.  Seguimos a legislação vigente e todos parâmetros legais. Foi fundamental a dedicação e apoio do prefeito e o trabalho de nossa equipe técnica”, comentou Nadab Abelin.



A Prefeitura trabalhou em duas frentes, por isso, o projeto poderá ser colocado em prática imediatamente. Assim que o Governo Federal anunciou a liberação de 500 moradias para Sete Lagoas, foi iniciado o processo para a construção. Em meados em 2017 houve chamamento público e a selecionada foi a construtora Melo de Azevedo que há 35 anos executa projetos habitacionais em todo o Brasil. A contrapartida do município será a doação do terreno aprovada pela Câmara Municipal na última sexta-feira, 2. A doação foi formalizada pela Lei nº 8.741 publicada no Diário Oficial do Município no mesmo dia. “Estamos trabalhando para começar as obras o quanto antes. A documentação já foi entregue na Caixa e o contrato deve ser assinado ainda essa semana.”, afirma Vítor Dias, secretário de Obras.



O Minha Casa Minha Vida é financiado pela Caixa Econômica Federal para atender famílias com renda de até três salários mínimos. Essa modalidade é voltada para famílias que não possuem outro imóvel. O programa custeia até 90% do valor do imóvel, e o restante é dividido em 120 meses (10 anos).



INSCRIÇÕES DAS FAMÍLIAS



Em Sete Lagoas ainda serão definidos detalhes e datas para inscrições dos interessados. O trabalho orientado pela Caixa será realizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social. A Prefeitura, ressalta que informações sobre todo o processo serão divulgadas amplamente e, por isso, neste momento não é preciso procurar o setor de cadastros.



ASCOM Prefeitura de Sete Lagoas 




leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Você é a favor o fim do horário de verão?

Sim
2603 votos - 72.5%

Não
986 votos - 27.5%

facebook
publicidade
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados