menu
Sete Lagoas - MG | Whatsapp: 31 996167463
Mega Cidade
Sete Lagoas - MG
CONDENAÇÃO HISTÓRICA
POLÍCIA
POLÍCIA
CONDENAÇÃO HISTÓRICA
Postada em 30/05/2017 ás 11h40 - atualizada em 30/05/2017 ás 20h54
Assassinos do sargento da PM Vanderly são condenados a 130 anos de prisão
Julgamento que ficará na história da Justiça de Sete Lagoas
Assassinos do sargento da PM Vanderly são condenados a 130 anos de prisão

A maior condenação da história da justiça de Sete Lagoas foi aplicada pelo Juiz da 2ª Vara Criminal aos assassinos do sargento da Polícia Militar Vanderly Geraldo dos Reis.





O julgamento que ficará na história da Justiça de Sete Lagoas aconteceu na terça-feira (23). Viviane da Silva que estava em liberdade, foi absolvida por falta de provas. Bruno Cesar Lopes, foi julgado por porte ilegal de arma de fogo restrito, clonagem de veículo, posse de drogas e formação de quadrilha, sendo condenado em 6 anos de reclusão e cinco meses de detenção. Ele está solto e poderá recorrer em liberdade.



Silvio Ferreira dos Santos, o “Jú Capeta” e Thiago de Oliveira Vieira, o “Thiaguinho”, juntos foram condenados a 130 anos de cadeia. Somente “Jú Capeta” foi condenado a 52 anos, ele foi julgado pelos crimes: Latrocínio-roubo seguido de morte, assalto qualificado com uso de arma de fogo, clonagem de veículo e corrupção de menores, totalizando uma pena de 52 anos, três meses e 18 dias de prisão.



Thiago de Oliveira o “Thiaguinho” foi julgado por : Latrocínio-roubo seguido de morte, assalto qualificado com uso de arma de fogo, clonagem de veículo e corrupção de menores e posse ilegal de arma de fogo sendo condenado em 48 anos, seis meses e 13 dias de cadeia. Já Felipe Augusto Rodrigues, o “Gordinho” foi condenado por latrocínio- roubo seguido de morte, assalto qualificado com uso de arma de fogo, clonagem de veículo e corrupção de menores, sendo condenado a 29 anos de cadeia.



O crime brutal aconteceu na tarde de quinta-feira 10 de março de 2016 no bairro Iporanga. Vanderly foi surpreendido pela quadrilha e executado dentro da cozinha de sua residência na presença da esposa e do filho.



RELEMBRE O CASO:



Na tarde de quinta-feira (10/03), por volta das 12 horas, na Rua Virgínia Viana de Paula, bairro Iporanga, em Sete Lagoas, a vítima, Sargento da Polícia Militar, lotado no 25º BPM, estava fardado almoçando com sua esposa e o filho de 10 anos, quando chegou à sua residência um entregador de água mineral. Ao acompanhar o entregador até a saída, a esposa da vítima e o entregador foram rendidos por 02 indivíduos (os autores R.E.M.S., 17 anos e Felipe Augusto Rodrigues Silva, 18 anos). Estes, armados, anunciaram o assalto, obrigando a ambos a entrarem e deitarem-se ao chão. Um terceiro autor, V.M.S., 17 anos, também armado, ao perceber a presença do Militar, alertou os comparsas do fato. O policial, no intento de defender sua família, entrou em luta corporal com V.M.S., que atirou contra o sargento acertando a parede. Este tentou sacar sua arma, porém sem obter êxito, momento em que o autor R.E.M.S. aproximou-se dele e efetuou um disparo no ouvido do mesmo, covardemente executando-o na frente da esposa e do filho. Em seguida, o autor de 18 anos subtraiu a arma que estava com o graduado pertencente à carga PMMG. Em continuidade, os autores evadiram em um veículo Renault Duster, cor prata, pela Avenida Perimetral, sentido BR-040. Após intenso rastreamento, os autores foram localizados e preso/apreendidos na cidade de Ribeirão das Neves, juntamente com mais 03 autores, Silvio Ferreira dos Santos, 31 anos, Thiago de Oliveiira Vieira, 22 anos, Bruno Cezar Lopes, 20 anos e a autora V.S., 29 anos, que faziam parte da quadrilha (todos com várias passagens pela polícia). Com eles foram apreendidos vários aparelhos eletrônicos de procedência duvidosa, 01 rádio comunicador na freqüência da PM, vários aparelhos celulares, vários carregadores e cartuchos de armas de fogo calibres variados, 01 porção de maconha e 05 armas de fogo (sendo 01 a que foi subtraída do sargento). Diante do exposto, os autores encontram-se à disposição da justiça.




FONTE: Da redação
leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Você é a favor o fim do horário de verão?

Sim
779 votos - 68.9%

Não
352 votos - 31.1%

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados