menu
Sete Lagoas - MG | Whatsapp: 31 996167463
Mega Cidade
Sete Lagoas - MG
OBRA
POLÍTICA
POLÍTICA
OBRA
Postada em 01/09/2017 ás 15h19 - atualizada em 01/09/2017 ás 15h19
Fernando Pimentel entrega obra de pavimentação da MG-423, entre Papagaios e Pitangui
As melhorias feitas em 30,9 quilômetros irão beneficiar cerca de 40 mil pessoas
Fernando Pimentel entrega obra de pavimentação da MG-423, entre Papagaios e Pitangui

Obra realizada pelo Governo do Estado na estrada MG-423, entre Papagaios e Pitangui (Fotos Carlos Alberto/Imprensa MG)

O governador Fernando Pimentel entregou nesta sexta-feira (1/9) as obras de melhorias e pavimentação em 30,9 quilômetros na MG-423, entre Papagaios e o entroncamento da BR-352, no município de Pitangui, no Território Oeste. A obra, que foi paralisada na gestão passada, em 2014, e retomada pelo atual governo, demandou investimentos de R$ 33 milhões do Estado por meio do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagens de Minas Gerais (DEER-MG).



Ao lado do presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Adalclever Lopes, o governador destacou a importância da obra não só para a cidade, mas para toda a região.



“Estamos celebrando a entrega de uma obra que todos aqui sabem da sua importância, que salta aos olhos. Essa estrada está ligando, com esse asfalto, duas regiões fundamentais para o desenvolvimento do Estado, o Centro-Oeste e a região Central, e beneficiando não só os dois municípios, mas mais de 30 outros no entorno. Vamos complementar agora a ligação de Vargem Grande até a rodovia, cerca de 1,5 quilômetro”, afirmou.



Outro ponto destacado pelo governador foi o clima de harmonia política no Estado. “A outra coisa que estamos celebrando aqui é tão importante quanto essa obra: é a boa política que Minas Gerais sabe fazer. E aqui estão neste palco um ex-governador de Minas Gerais, o seu filho, deputado federal do PMDB, um governador que é do PT, e um deputado federal que é do PSDB, que era de um partido do governo e agora é oposição. Nós estamos, indiferentemente das nossas disputas partidárias, juntos celebrando uma obra que é do povo, foi um empenho do meu governo, mas ela não tem dono. O dono é o povo, que se apropria dela, que vai usá-la para o que sabe fazer de melhor, que é trabalhar”, completou. 



O governador lembrou ainda que, apesar da dificuldade financeira que atinge todos os estados brasileiros, Minas Gerais mantém os serviços públicos funcionando e ainda consegue fazer investimentos.



“No Rio Grande do Sul, vi há pouco o anúncio do governador parcelando os salários como nós aqui, mas lá a primeira parcela é R$ 350. Aqui, é R$ 3.000. E, com a segunda parcela de R$ 3.000, chegamos a quitar quase 90% dos salários. Ficam só os salários mais altos para a terceira parcela. Lá, eles estão levando 16 parcelas para quitar o salário e é o do mês de junho. O 13º salário do ano passado sequer foi pago. No Rio de Janeiro, quando tem recursos para pagar o salário é um milagre. Em Minas, com toda dificuldade, mantemos o compromisso com os servidores, os serviços públicos estão funcionando e estamos entregando obras”, afirmou. 



Pavimentação



Pelo trecho entregue nesta sexta-feira passam em média, diariamente, 1,2 mil veículos. A rodovia é responsável por fazer uma importante interligação entre os municípios do Centro-Oeste de Minas e da região Central. A obra irá impactar de forma direta e indireta em uma população de aproximadamente 40 mil mineiros, sem contar aqueles que utilizam a via para seus deslocamentos entre as diversas regiões.



A expectativa com pavimentação do trecho é de avanço para a economia local e por melhoria das condições de mobilidade da comunidade. Na região, estão instaladas diversas indústrias, entre elas, de mineração e siderurgia, de corte e exportação de pedras e olarias e de processamento de aves.



A obra, uma antiga reivindicação dos moradores da região, teve início em maio de 2013, mas foi paralisada em dezembro de 2014, sendo retomada pela atual gestão em outubro de 2015.



O prefeito de Papagaios, Mário Reis Filgueiras, destacou o impacto da obra. “Se chovia era barro, se a época era de seca, a poeira era incessante. A estrada já foi interditada por causa das más condições, comprometendo o desenvolvimento de toda região. Agradecemos ao governador porque essa estrada não liga só Pitangui a Papagaios, mas liga a região de Sete Lagoas ao Aeroporto de Confins, ao Centro-Oeste mineiro e ao Sul de Minas, encurtando caminhos e tirando o trânsito do Anel Rodoviário de Belo Horizonte”, disse o prefeito.



O deputado estadual Inácio Franco lembrou que a intervenção era uma reivindicação antiga da população. “Papagaios e Pitangui estão em festa. Sabemos a dificuldade que foi concluir essa obra, que é uma reivindicação de toda região”, afirmou.



O deputado federal Newton Cardoso Júnior ressaltou que a promessa de entrega da obra demorou 20 anos para ser concretizada. “Em 2001, a obra saiu do papel, mas logo em seguida foi paralisada e virou essa novela sem fim. Foi, sem dúvida, com o empenho deste governo que hoje temos a honra de fazer essa entrega. Sabemos que as dificuldades existem e não acabaram, mas o empenho e a vontade política fizeram com que esse sonho se tornasse realidade”, pontuou.



Presenças



Também acompanharam a cerimônia de entrega os secretários de Estado de Governo, Odair Cunha, de Transportes e Obras Públicas, Murilo Valadares, e de Turismo, Ricardo Faria, o ex-governador de Minas Gerais, Newton Cardoso, o deputado estadual Fábio Avelar, o deputado federal Domingos Sávio e o diretor-geral do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DEER-MG), Djaniro da Silva, além de prefeitos, vereadores e lideranças da região.






leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
Você é a favor o fim do horário de verão?

Sim
1217 votos - 69.9%

Não
524 votos - 30.1%

facebook
publicidade
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados