Quarta, 19 de Janeiro de 2022
31 99616-7463
Cidades Leilão de veículos

Sejusp vai leiloar 13 veículos em Minas Gerais, com lance mínimo de R$ 50

Carros e caminhões estão disponíveis no leilão realizado pela Sejusp

03/12/2021 11h21
Por: Redação Fonte: Mega Cidade com BHAZ
Carros e caminhões estão disponíveis no leilão realizado pela Sejusp (Divulgação/Sejusp)
Carros e caminhões estão disponíveis no leilão realizado pela Sejusp (Divulgação/Sejusp)

A Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) de Minas Gerais fará mais um leilão de veículos apreendidos em operações contra o tráfico de drogas. Ao todo, 13 automóveis serão leiloados na próxima terça-feira (7). Dentre os veículos, estão um Ford F 1000, dois caminhões Mercedes Benz, um Volkswagen Jetta e uma Kombi Pick Up.

Os lances já estão abertos, podendo ser feitos através do site da MGL Leilões, sendo este link para veículos recuperáveis, e este para sucatas. Há veículos com lances mínimos de R$ 50, R$ 2,5 mil e R$ 5 mil, entre outros valores. Esse é o décimo leilão realizado pela Sejusp neste ano.

No site, também é possível ver informações sobre os veículos e avaliá-los através das fotos. Aqueles que desejarem ver o automóvel pessoalmente precisam agendar previamente pelos telefones disponíveis no edital. A visitação ocorre no dia anterior (acesse o edital aqui).

Continua depois da publicidade

Os veículos recuperáveis podem voltar a circular e possuem direito à documentação. Os arrematantes ficam isentos de multas, encargos e impostos anteriores à aquisição. Os automóveis considerados sucatas, por sua vez, só podem ser arrematados por empresas de desmonte ou reciclagem credenciadas em órgãos de trânsito.

Leilão é parte de projeto

O leilão faz parte do projeto “Esforço Concentrado para a Redução dos Bens Aguardando Destinação”. A iniciativa parte do Ministério da Justiça e Segurança Pública, via Senad (Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas), e em parceria com o Governo de Minas, através da Sejusp.

O dinheiro arrecadado no leilão, ao retornar para o Estado, deve ser aplicado em ações de redução da oferta e da demanda de substâncias ilícitas. Ademais, os recursos servirão para campanhas, estudos, e capacitações relacionadas à temática das drogas.

Continua depois da publicidade

Programas de prevenção, atenção, cuidado, tratamento e reinserção social de usuários de drogas, programas de reaparelhamento e custeio de atividades de fiscalização, controle e repressão ao uso e ao tráfico ilícito de drogas e produtos controlados fazem parte das capacitações que receberão a arrecadação.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.