Segunda, 29 de Novembro de 2021
31 99616-7463
Cidades Descarga elétrica

Criança de 11 anos sofre parada cardíaca durante temporal em Uberlândia após descarga elétrica

Um cabo da fiação elétrica se rompeu durante as chuvas

18/10/2021 14h35
Por: Redação Fonte: Mega Cidade com BHAZ
Um cabo da fiação elétrica se rompeu durante as chuvas (Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Um cabo da fiação elétrica se rompeu durante as chuvas (Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Uma criança de 11 anos sofreu uma parada cardíaca na tarde desse domingo (17), em Uberlândia, no Triângulo mineiro, por causa de uma descarga elétrica. O fato ocorreu durante um temporal que deixou a avenida Rondon Pacheco, a principal do município, alagada em vários pontos. Os pais também sofreram uma descarga elétrica ao tentar salvar o filho.

Segundo os bombeiros, um cabo da fiação elétrica de alta tensão se rompeu durante as chuvas e atingiu o carro em que estavam pai, mãe e a criança. No desespero, os pais desceram do veículo e, ao tentar retirar a criança de dentro do carro, sofreram uma descarga elétrica. A criança não resistiu ao choque e entrou em quadro de parada cardíaca.

O carro estava estacionado na avenida Benjamim Magalhães, 1050, no bairro Tibery. A criança foi encaminhada ao pronto-socorro da UAI (Unidade de Atendimento Integrado) Tibery por populares, há poucos metros de onde aconteceu a descarga elétrica. Não há informações sobre o estado de saúde dela.

Continua depois da publicidade

  Cabo atingiu o carro da família (Corpo de Bombeiros/Divulgação)

  O Corpo de Bombeiros atuou na ocorrência (CBMMG/Divulgação)

Cemig se pronuncia

Cemig confirmou que a chuva provocou um curto-circuito nos cabos de média tensão da rede elétrica na avenida Benjamin Magalhães, causando o rompimento de um dos fios, que caiu sobre um veículo que estava estacionado sob a rede de energia.

Continua depois da publicidade

Segundo a companhia, a criança tentou sair do interior do carro e ao tocar o solo com parte do corpo ainda encostando no automóvel, sofreu um choque elétrico e consequentemente parada cardiorrespiratória. A Cemig disse que acompanha o caso e presta apoio à família.

Ainda de acordo com a concessionária, a chuva veio acompanhada de forte ventania, sendo a provável causa do rompimento do cabo um lançamento de algum objeto, pela força do vento, em direção à rede, o que teria provocado o curto-circuito.

Orientações

A Cemig orienta que, caso as pessoas se deparem com um fio partido, elas não podem se aproximar ou tocar no cabeamento e, se possível, não devem permitir que outras pessoas se aproximem também.

Nos casos em que condutores rompidos caiam sobre veículos, é possível que, ao sair do automóvel, a pessoa sofra um choque elétrico, que pode ser de até 13 mil volts, caso seja uma rede de média tensão. O único caso em que a pessoa deve deixar o veículo imediatamente é em situações de incêndio.

Nessas ocasiões, se for necessário sair do veículo, a pessoa nunca deve tocar a estrutura do automóvel e no solo ao mesmo tempo, porque ele se tornará o caminho entre a corrente elétrica e o solo. Isso pode ser fatal ou causar queimaduras gravíssimas. A recomendação é telefonar imediatamente para o Fale com a Cemig, no telefone 116, que funciona 24 horas por dia.

A companhia também orienta que a população não retire uma árvore caída nas vias durante as chuvas. “Se uma árvore cair na frente de sua residência, nunca tente retirá-la ou cortá-la e chame o Corpo de Bombeiros para retirar esta árvore. Em muitos casos, no meio da árvore caída, pode existir um cabo partido da rede elétrica que pode estar energizado e escondido no meio dos galhos e, ao tentar retirar a árvore, a pessoa pode sofrer um choque elétrico de até 13.800 volts, com risco de morte ou graves queimaduras”, escreveram em nota (leia na íntegra abaixo).

Temporal em Uberlândia

O fato aconteceu enquanto a cidade registrava chuvas fortes em alguns bairros. A Defesa Civil de Uberlândia emitiu um alerta vermelho para chuvas intensas de risco muito alto. Na rede social, os internautas compartilharam os estragos do temporal no bairro Tibery e na avenida Rondon Pacheco.

Nota da Cemig na íntegra

Cemig informa sobre acidente com terceiros em Uberlândia

A Cemig informa que uma tempestade, acompanhada de uma forte ventania, provocou curto-circuito nos cabos de média tensão da rede elétrica na Av Benjamin Magalhães, no bairro Tibery, em Uberlândia, causando o rompimento de um dos fios, que caiu sobre um veículo que estava estacionado sob a rede de energia.

Uma criança de dez anos, que estava dentro do veículo, tentou sair do interior do carro e ao tocar o solo com parte do corpo ainda encostando no automóvel, sofreu um choque elétrico e consequentemente parada cardiorrespiratória.

A criança foi socorrida pelos próprios pais, e levada para atendimento hospitalar, onde foi reanimada. A Cemig acompanha o caso e presta apoio à família.

No momento do acidente chovia e ventava muito. A provável causa do rompimento do cabo foi o lançamento de algum objeto, pela força do vento, em direção à rede, o que teria provocado o curto-circuito.

Outras informações a respeito do estado de saúde devem ser apuradas junto às autoridades.

Fio Partido e segurança durante tempestades

Uma das principais ocorrências durante tempestades intensas é o fio partido, principalmente quando há quedas de árvores sobre a rede elétrica, ou quando objetos são lançados em direção aos cabos,  em função da força dos ventos, provocando o seu rompimento.

Caso as pessoas se deparem com um fio partido, elas não podem se aproximar ou tocar no cabeamento e, se possível, não devem permitir que outras pessoas se aproximem também.

Nos casos em que condutores rompidos caiam sobre veículos, é possível que, ao sair do automóvel, a pessoa sofra um choque elétrico, que pode ser de até 13 mil volts, caso seja uma rede de média tensão. O único caso em que a pessoa deve deixar o veículo imediatamente é em situações de incêndio. Nessas ocasiões, se for necessário sair do veículo, a pessoa nunca deve tocar a estrutura do automóvel e no solo ao mesmo tempo, porque ele se tornará o caminho entre a corrente elétrica e o solo. Isso pode ser fatal ou causar queimaduras gravíssimas.

A recomendação é telefonar imediatamente para o Fale com a Cemig, no telefone 116, que funciona 24 horas por dia. Se uma árvore cair na frente de sua residência, nunca tente retirá-la ou cortá-la e chame o corpo de bombeiros para retirar esta árvore. Em muitos casos, no meio da árvore caída, pode existir um cabo partido da rede elétrica que pode estar energizado e escondido no meio dos galhos e, ao tentar retirar a árvore, a pessoa pode sofrer um choque elétrico de até 13.800 volts, com risco de morte ou graves queimaduras”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.