Terça, 24 de Maio de 2022
27°

Poucas nuvens

Sete Lagoas - MG

Polícia Drogas

Trio detido por serviço de ‘tele-pó’ no interior de MG atendia clientes da classe alta

Um dos presos teria envolvimento na mortes de agentes de segurança pública e assaltos a banco

12/05/2022 às 17h14
Por: Redação Fonte: Mega Cidade com Itatiaia
Compartilhe:
Google/Street View
Google/Street View

Três pessoas de 28, 32 e 37 anos foram presas, nessa quarta-feira (11), suspeitas de fazerem parte de uma organização criminosa que atuava com o tráfico de drogas em Montes Claros, no Norte de Minas Gerais. O trio foi detido após cumprimento de mandados expedidos de prisão, busca e apreensão, além de bloqueios de bens e contas bancárias dos investigados. 

Durante a ação, foram apreendidos cocaína, cerca de R$ 5 mil em dinheiro, máquinas de cartão e balança. De acordo com o delegado Alberto Tenório, em entrevista coletiva realizada nesta quinta-feira (12), uma jovem, de 24 anos, companheira do líder da organização, de 37, foi presa em flagrante. Ela estava com ele em um carro transportando 17 papelotes de cocaína.

As investigações começaram em 2020, assim que a Polícia Civil obteve informações sobre uma quadrilha que atuava na venda de drogas por telefone, o chamado “tele-pó”. Ainda, segundo o delegado, os outros dois detidos eram responsáveis por fazer a entrega da droga e indicar usuários para a venda, sendo muitos de alto poder aquisitivo. Conforme Tenório, o “tele-pó” cresceu durante a pandemia. 

“Essas pessoas já estavam arrecadando quantias consideráveis e também efetuando lavagem de dinheiro. O líder dessa associação criminosa já estava com empresa constituída, vendendo lanches e sanduíches em bairros nobres de Montes Claros. Inclusive, há pouco tempo, já fechou esse estabelecimento. Ele também é procurado pela Polícia Civil do estado da Bahia, tem envolvimento com mortes de agentes de segurança pública e também com assaltos a banco”, destacou o delegado. 

Continua depois da publicidade

“Uma peculiaridade foi que o irmão do líder dessa organização criminosa foi morto pela Polícia Militar do estado da Bahia durante um confronto. Na ocasião, eles cometeram um crime de assalto a banco no município de Matias Cardoso, aqui em Minas Gerais. Então o irmão dele estava envolvido nesse crime que a gente tem de informação, a Polícia Civil da Bahia também estava investigando ele por tráfico de drogas e por crimes patrimoniais”, acrescentou.

Ainda de acordo com o delegado, o suspeito tem passagens por tráfico de drogas em Montes Claros. “Depois de uma longa investigação, a gente conseguiu apontar que ele, juntamente com uma outra pessoa que já estava residindo no bairro Ibituruna, estava realizando esse comércio de droga para a população de classe mais alta da cidade”, disse. 

O trio foi encaminhado para o presídio e a polícia segue investigando se há mais envolvidos no esquema. 

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sete Lagoas - MG Atualizado às 15h17 - Fonte: ClimaTempo
27°
Poucas nuvens

Mín. 12° Máx. 27°

Qua 27°C 11°C
Qui 28°C 12°C
Sex 28°C 12°C
Sáb 29°C 12°C
Dom 27°C 14°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio