Sábado, 15 de Junho de 2024
25°

Tempo limpo

Sete Lagoas, MG

Política Joias

Cid afirma em delação que Bolsonaro o autorizou a negociar relógio Rolex e outros presentes oficiais

Ajudante de ordens de Bolsonaro durante a presidência, Mauro Cid firmou acordo de delação premiada com a Polícia Federal acusando-o de peculato e lavagem de dinheiro

10/11/2023 às 17h09
Por: Redação Fonte: Mega Cidade com Itatiaia
Compartilhe:
A Polícia Federal aceitou o acordo de delação premiada do tenente-coronel Mauro Cid em setembro
A Polícia Federal aceitou o acordo de delação premiada do tenente-coronel Mauro Cid em setembro

Ajudante de ordens de Jair Bolsonaro (PL) durante o governo dele, Mauro Cid declarou à Polícia Federal (PF), no âmbito do acordo de delação premiada, que o então mandatário o orientou a descobrir o preço de mercado de um relógio da marca de luxo Rolex e de outras peças valiosas, presentes oficiais dados pela Arábia Saudita.

A informação é da coluna de Andréia Sadi no G1 e foi publicada nesta sexta-feira (10). Quatro dias atrás, a colunista Bela Megale, de O Globo, detalhou que Cid indicou em sua delação os pormenores do funcionamento do 'gabinete do ódio' de Jair Bolsonaro.

No início de setembro, o tenente-coronel firmou a delação premiada com a Polícia Federal, e o acordo foi homologado pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Cid apontou o ex-presidente da República como mandante de, pelo menos, dois crimes: peculato e lavagem de dinheiro.

Em relação às joias e ao relógio de luxo, Cid afirmou que o presidente pediu que ele fizesse uma lista com os presentes oficiais recebidos e que poderiam ser negociados para quitar dívidas que se acumulavam; como, por exemplo, as multas de trânsito por não usar capacete nas motociatas, os gastos com o transporte do acervo de presentes e os pagamentos de uma condenação após processo movido pela deputada federal Maria do Rosário (PT-RS).

Cid, segundo disse à PF, analisou quais eram as peças mais fáceis de avaliar o valor e pediu ao Gabinete Adjunto de Documentação História (GADH) uma lista com os relógios recebidos pelo presidente. Após ter acesso à relação, Bolsonaro teria autorizado que Cid vendesse o relógio.

Em suas redes sociais nesta sexta-feira, um dos advogados de Jair Bolsonaro, Fabio Wajngarten, ironizou as declarações de Cid. "A chance do tenente-coronel Mauro Vieira ter recebido uma demanda do presidente Jair Bolsonaro para avaliar um relógio Rolex nos EUA é tão real quanto o presidente produzir o remake de Roque Santeiro e exibi-lo na TV Globo", escreveu.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sete Lagoas, MG Atualizado às 17h06 - Fonte: ClimaTempo
25°
Tempo limpo

Mín. 12° Máx. 28°

Dom 28°C 13°C
Seg 27°C 13°C
Ter 28°C 13°C
Qua 28°C 15°C
Qui 29°C 15°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes