Quinta, 16 de Julho de 2020
31 99616-7463
Polícia Agressão

Homem vai à PM dizer que não quer mais agredir namorada e pede para ser preso

Vítima pediu que o suspeito não saísse para comprar mais bebida alcoólica e foi agredida; o homem saiu para a compra, mas acabou indo à PM e se denunciou

29/06/2020 09h57
Por: Redação Fonte: O Tempo
Homem saiu para beber, mas desistiu e procurou à Polícia Militar Foto: Reprodução Google Street View
Homem saiu para beber, mas desistiu e procurou à Polícia Militar Foto: Reprodução Google Street View

Uma agressão à mulher foi descoberta de forma inusitada neste domingo (28), em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Geralmente as denúncias são feitas pelas vítimas ou por alguma testemunha, mas, dessa vez, foi o próprio suspeito, de 35 anos, quem procurou uma companhia da Polícia Militar (PM) e pediu para ser preso. Ele saiu de casa dizendo para a mulher que ia comprar bebida alcoólica, no entanto, ele foi até uma companhia da PM e se denunciou. 

De acordo com a Polícia Militar o homem contou que brigou com sua namorada e que não queria mais agredi-la. Ele ainda pediu que os policiais o prendessem e deu o endereço de onde a mulher estava.  Os policiais procuraram então a vítima, uma jovem de 18 anos. Ela contou que realmente tinha sido agredida pelo homem e que desejava representar contra o suspeito. Os dois foram levados para a Delegacia de Polícia Civil onde o caso foi registrado. 

O agressor disse aos policiais que agrediu a vítima por ter perdido o controle. Segundo os militares registraram na ocorrência, o homem estava com um comportamento bastante alterado. A vítima contou que o companheiro ingeriu muita bebida alcoólica e quando as bebidas acabaram ele queria sair  para comprar mais. 

Continua depois da publicidade

Considerando que o homem estava se excedendo no consumo de álcool e, sem saber se ele queria comprar drogas também, a mulher pediu que ele não saísse. No entanto, diante da intervenção dela, o homem ficou bastante agressivo e a empurrou. Familiares da mulher contiveram o homem. Ele saiu de casa e ao invés de ir comprar a bebida o homem procurou a 40 Cia da PM e se denunciou. 

 A reportagem procurou a Polícia Civil e aguarda retorno.

Continua depois da publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.