Sexta, 14 de Agosto de 2020
31 99616-7463
Polícia Bailes funk

Guarda Civil e PM dispersam dois bailes funk e uma partida de futebol

13/07/2020 08h16
Por: Redação Fonte: O Tempo
Foto: GCM de Contagem / Divulgação
Foto: GCM de Contagem / Divulgação

Com 1.902 casos de Covid-19 e 79 mortes até este domingo (12), Contagem está entre as cidades da região metropolitana de Belo Horizonte com maior taxa de letalidade pela doença: 4,1% dos pacientes morreram. Mas as estatísticas não são suficientes para evitar aglomerações.  Em menos de 24 horas, a Guarda Civil, com apoio da Polícia Militar, dispersou dois bailes funk e uma partida de futebol, com muita gente sem máscara. 

Na madrugada deste domingo (12), a Guarda Civil e a PM  foram acionadas para acabar com um baile funk na Vila Pérola, com cerca de 150 pessoas. "Era muita gente, sem uso de máscaras e consumindo bebida alcóolica. A maioria era adolescdentes”, afirma o chefe de grupamento Cássio Cesário da Cunha.

A Guarda Civil e a polícia chegaram ao local , no centro da Vila Pérola, após denúncia na noite do último sábado. “Fechamos as principais entradas do aglomerado e fizemos várias intervenções e abordagens, como verificação de documentos. Não foi possível pegar o responsável pelo baile funk, mas dentro das abordagens, o comerciante que fazia a venda das bebidas foi notificado”, explica Cunha.

Continua depois da publicidade

Logo depois, a Guarda Civil e a PM se dirigiram para outro baile funk, que reunia entre 250 e 300 pessoas no bairro Xangrilá, perto do bairro Nacional, em Contagem. Mais uma vez, encontraram as pessoas aglomeradas, sem máscaras, desrespeitando o decreto municipal de combate à dispersão da Covid-19, que obriga a proteção.

“O baile funk estava bombando, com vários veículos estacionados. Não localizamos o organizador, que evadiu do local. Mas, em tese, ele é o mesmo que já teria sido notificado por outros eventos e as providências cabíveis estão sendo tomadas”, explica Cunha.

Ainda neste domingo (12), a Guarda Civil também precisou interromper uma partida de futebol que reunia cerca de 70 pessoas, no bairro Campo Alto. O jogo foi encerrado de maneira pacífica. Mas, segundo a Guarda Civil, se voltarem a realizar partidas, serão notificados e podem até ser presos por descumprimento de ordem legal.  

Continua depois da publicidade

Neste domingo, ninguém foi preso, pois as ações tiveram caráter educativo, para dispersar e conscientizar os infratores. Entretanto, de 21 de março a 10 de julho, 21 pessoas já foram presas. Nesse período, a Guarda Municipal de Contagem realizou 10.644 ações preventivas, fechou 5.368 estabelecimentos, dispersou 2.581 aglomerações, aplicou 270 multas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.